Senado de Odivelas homenageia D. Dinis em Mosteiro vandalizado

A Associação Cívica “Senado de Odivelas” homenageou o rei poeta D. Dinis, uma semana antes da passagem do Mosteiro de Odivelas para gestão da Câmara Municipal.

O Senado de Odivelas, uma associação de intervenção cívica que tem na sua génese, essencialmente, os fundadores do MOC-Movimento Odivelas a Concelho, realizou uma sessão de homenagem a D. Dinis, rei sepultado no Mosteiro de Odivelas, por ocasião da passagem de mais um ano do seu falecimento.

Com a presença das três corporações de bombeiros do concelho- Odivelas, Pontinha e Caneças – foi depositada uma coroa de flores no átrio do Mosteiro, uma vez que a Capela está em obras, encontrando-se por isso encerrada.

O assunto mais falado, porém, foram os recentes actos de vandalismo. Cerca de 200 azulejos foram roubados naquilo que Barão das Nevez, porta voz do Senado, classificou de um “vandalismo inadmissível” aproveitando para lançar um apelo a que todas “as entidades assumam as suas responsabilidades” quanto à seguraça e valorização do Mosteiro, que está classificado como monumento nacional.

De referir que no próximo dia 14 de Janeiro, pelas 11 horas, nos Paços do Concelho, tem lugar a cerimónia de assinatura do auto de cedência do Mosteiro de São Dinis e São Bernardo, entre a Direcção Geral do Tesouro e Finanças, a Direcção Geral de Recursos da Defesa Nacional e a Câmara Municipal de Odivelas. Com a assinatura do auto de cedência o Mosteiro vai passar para gestão da autarquia, uma aspiração há muito sentida.

A cerimónia contará com intervenções de Hugo Martins, presidente da Câmara de Odivelas e de Ana Santos Pintos, Secretária de Estado da Defesa Nacional.

(Parceria Horizonte FM/ Jornal “notícías De Cá e De Lá”)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *