207 pessoas detidas em investigações relacionadas com a exploração de crianças e jovens

A Polícia Judiciária revelou que, entre Janeiro e Outubro, deteve 207 pessoas na sequência de investigações relacionadas com a exploração de crianças e jovens para fins sexuais.
De acordo com os dados divulgados, e até ao final do último mês, a PJ foi chamada a investigar 2.206 situações inseridas nesta tipologia de crimes, em que prevalece a relação de proximidade entre vítima e agressor em cerca de 65% dos casos investigados.
Os dados da Judiciária apontam também para um aumento significativo de crimes sexuais contra crianças e jovens no espaço digital; e que os agressores sexuais identificados são, em 97% dos casos, do sexo masculino, enquanto 90% das vítimas desde o início do ano são do sexo feminino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *