85 obras de Joan Miró, propriedade do Estado classificados como conjunto de bens de interesse público

O despacho de classificação das 85 obras do artista catalão Joan Miró, propriedade do Estado português, como conjunto de bens de interesse público, foi publicado ontem em Diário da República.  

“Na sua totalidade, estas 85 obras possuem indubitavelmente grande qualidade e valor artístico, constituindo um testemunho inestimável da larga e multifacetada produção”, lê-se na portaria assinada pela secretária de Estado Adjunta e do Património Cultural, Ângela Ferreira. 

A classificação visa os 85 trabalhos provenientes da coleção do antigo Banco Português de Negócios (ex-BPN), depositados na Fundação de Serralves, no Porto. O diploma reconhece igualmente a lógica de coleção a este conjunto, em termos de manifestação da produção artística de Joan Miró ao longo de seis décadas. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *