IP investe 2,8 milhões de euros no reforço da ponte ferroviária em Abrantes

A Infraestruturas de Portugal vai investir 2,8 milhões de euros no reforço e proteção das fundações da ponte ferroviária sobre o Tejo, da Linha da Beira Baixa, em Abrantes, obras que têm um prazo de execução de 20 meses, que começou a ser contado no passado dia 17. 

A empreitada – que tem como objetivo a “melhoria das condições estruturais” daquela ponte centenária – irá envolver, entre outros, trabalhos ao nível da “reabilitação dos aparelhos de apoio, reparação das alvenarias e cantarias dos pilares, proteção dos mesmos, e execução de prismas de proteção contra a erosão em torno dos pilares”. 

A IP avança ainda que, para a intervenção no troço que liga Abrantes à Guarda, “não será necessário implementar restrições à circulação ferroviária”,  

Refira-se que ponte – que entrou ao serviço em 1891 – foi objeto de uma intervenção de reforço em 1988, de modo a permitir a introdução de eletrificação na via.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *