Lisboa pede ao governo conclusão das obras na esc.artistica António Arroio

A Câmara de Lisboa exorta o Governo a concluir com urgência as obras na Escola Artística António Arroio, que na semana passada esteve 3 dias sem aulas devido a problemas elétricos.
O vereador da Educação considera “um escândalo” a forma como as obras foram interrompidas a meio naquele estabelecimento de ensino, em 2009, não dispondo de cantina.
Manuel Grilo diz que os atrasos “devem-se a imposições legais decorrentes dos processos de contratação pública ou a processos com os empreiteiros”, e que a Carta Educativa do concelho está a “sofrer um atraso significativo” devido a novas exigências legais que deve incorporar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *