Portugueses mais recetivos a consultas médicas ‘online’

Os portugueses estão mais recetivos à realização de consultas médicas online do que qualquer um dos outros países na Europa. Contudo, são também os que revelam uma maior necessidade de apoio para gerir sentimentos de ansiedade durante a pandemia, de acordo com os resultados do STADA Health Report 2021. 

De acordo com a pesquisa – que incluiu 30 mil europeus, de 15 países -, cerca de 80% das pessoas em Portugal conseguem imaginar-se a serem tratadas por um médico através de teleconsulta, em caso de determinadas doenças menores ou secundárias, sendo que a média europeia é de 57%. 

O inquérito indica, ainda, que cerca de 50% dos inquiridos em Portugal veem vantagem na redução do tempo de viagem e espera; e 1/3 revela-se preparado para dar uma oportunidade a esta dinâmica, dependendo da sua condição de saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *